Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2016

Minas a dois - Parte 2 - São João Del Rey e Tiradentes

Imagem
Saímos de São Thomé das Letras num final de tarde (parte 1 dessa viagem) e seguimos as instruções do Waze. Apesar de ser uma distância de pouco menos de 200 km demoramos 4 horas para chegar em São João Del Rey, seguimos um bom pedaço pela Fernão Dias mas depois pegamos uma rodovia federal muito ruim, deserta, escura e mal sinalizada - por isso sempre recomendo viagens durante o dia, nos arrependemos um pouco por termos saído tarde de São Thomé.
Chegamos morrendo de fome e super cansados, mas logo de cara já me encantei com a cidade. Encontramos uma pousada fofa ao lado da Igreja de São Francisco de Assis e colada ao campus da Universidade Federal... era um casarão antigo todo reformado, e conseguiram manter toda a cara de antigo mas super confortável, de longe um dos melhores lugares em que já ficamos.
No dia seguinte pela manhã, depois de um café da manhã delicioso, pedimos para deixar o carro no estacionamento da pousada enquanto passeávamos e saímos a pé. Atravessamos a rua e fomos d…

Minas a dois - Parte 1 - São Thomé das Letras

Imagem
Aproveitando as férias de julho das crianças, e como os 3 malinhas iam passar uns dias com os avós, resolvemos marido e eu fazer uma viagem curta a dois. Depois que voltamos de uma semana com a galera toda em Ilha Grande, despachamos os três e fizemos as malas novamente. Fazia já algum tempo que planejávamos visitar as cidades históricas, só nós dois - achamos que seria uma viagem monótona e cansativa para nossos malinhas, que ainda são muito pequenos. E apesar de ser relativamente perto, é uma viagem puxada pra fazer de carro (Minas é uma enganação: todas as cidades parecem que ficam a 60 km de distância umas das outras, mas ninguém diz que as estradas são mão dupla e cheias de curvas, quando não cheias de caminhões também, fazendo que uma viagem de meia hora se transforme em duas).
São Thomé das Letras Saímos numa terça feira de manhã, com destino a São Thomé das Letras. Apesar de não fazer parte do circuito histórico, marido queria conhecer a cidade há tempos por causa de toda a aura …

Ilha Grande (RJ) com 3 malinhas

Imagem
Seguindo a nossa tradição de viajar nas férias de julho com as 3 crianças, e depois das últimas viagens com pouca ou nenhuma praia, buscamos um destino no litoral, onde fosse possível não congelar na água. No início pensamos no Nordeste, mas o orçamento doméstico não permitiu a compra de 5 passagens aéreas (nossos 2 pequenos ainda pagam metade mas o mais velho já paga inteira), ainda mais em julho, e aí voltamos nossas opções para destinos mais próximos, que pudéssemos ir de carro. Aí me veio à cabeça Ilha Grande - eu já havia ido há alguns anos, ainda solteira, num reveillón, num esquema totalmente diferente de ir em família (obviamente)... Achamos que a criançada ia curtir andar de barco e andar no meio do mato, além de praias limpinhas que pudessem entrar na água à vontade.
Fechado o destino, começamos a pesquisar pousadas. Como de praxe, ligamos em várias e escolhemos uma de valor intermediário - nem a mais cara, nem a mais barata. A dificuldade adicional dessa vez foi encontrar uma …